O que fazer para melhorar o canal digital?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp
Share on print
Share on email

Informar, anunciar, vender, comunicar-se com os clientes – a internet oferece várias possibilidades que devem ser utilizadas. Não só a geração dos nativos digitais espera que as empresas estejam presentes na Internet. Os canais nos quais uma empresa atua dependem da estratégia individual de Internet.

Nesse artigo, vamos saber mais sobre como melhorar a comunicação digital das empresas.

1 – O que você espera dos seus canais digitais?

Quer revisar seu site? Você está considerando se a mídia social faz sentido para sua empresa? Ou talvez você queira abrir uma loja online? Antes de pensar sobre essas atividades online, você deve primeiro definir exatamente o que realmente deseja alcançar online. Você quer vender? Você quer melhorar sua imagem? Quer interagir com seus clientes / formar uma comunidade? Você quer mais alcance? Você deve estar ciente de tais questões.

Dica: Somente depois de definir seus objetivos para a estratégia da Internet, você saberá quais canais online pode usar para comunicar qual conteúdo.

2 – Coloque seu grupo alvo em close

Quem você deseja alcançar na Internet? Você tem o seu grupo-alvo firmemente em vista ou deseja alcançar uma diversificação tão ampla quanto possível?

Como regra, é mais promissor se você tiver um grupo-alvo claro em mente, cujas necessidades você conhece. A chamada segmentação (limitação do grupo-alvo) garante uma abordagem específica do grupo-alvo. Você pode se comunicar de maneira diferente com clientes regulares e ex-clientes do que com novos clientes ou funcionários em potencial. O atendimento aos consumidores finais (B2C) difere dos tomadores de decisão de compras (B2B).

Dica: Obtenha especialistas internos para a implementação (técnica) de sua estratégia online. Para poder instruir esses profissionais, é necessário que você tenha pensado sobre seus objetivos e públicos-alvo.

3 – A importância do site próprio

Mesmo na era da Web 2.0, um website faz parte do material de divulgação básico de uma empresa. Um site deixou de ser apenas um cartão de visita há muitos anos.

Um site é particularmente adequado para apresentar detalhadamente a gama de serviços e exemplos, além de ser a melhor maneira de conseguir contatos pelos formulários. A otimização de mecanismos de pesquisa (SEO) garante que seu site seja encontrado por mais usuários.  

Dica: Quem já possui um site deve pensar em uma “renovação” de vez em quando. Os hábitos de visualização e de usuário dos clientes estão mudando. Antes do relançamento, faz sentido, por exemplo, avaliar os dados do site: Quais são as páginas de entrada e saída mais populares? Quais caminhos de clique são particularmente populares? Onde e por que seus clientes abandonam o processo de compra?

4 – Otimização mobile

Cada vez mais pessoas estão usando a Internet em movimento. É por isso que seu site também deve ter uma boa aparência em dispositivos móveis, como smartphones ou tablets. Se você deseja torná-lo grande em telas pequenas, deve considerar os seguintes pontos, por exemplo:

·   Os textos devem ser fáceis de ler em dispositivos móveis sem zoom

·   Espaçamento de linha maior e tamanho mínimo de fonte de 16 pontos tornam a leitura mais fácil

·   O uso de um site em dispositivos móveis não deve exigir rolagem horizontal

·   Como as telas sensíveis ao toque são operadas com o dedo, os links ou botões também devem ser fáceis de usar.

Dica: A otimização para smartphones e tablets é importante porque mecanismos de pesquisa como o Google agora estão prestando mais atenção aos sites otimizados em seus resultados de pesquisa. É ideal se você usar o layout apropriado para ter um site responsivo que sempre se adapta automaticamente à largura da tela ou resolução do respectivo dispositivo.

5 – Email Marketing

O email marketing ainda é considerado a ferramenta de vendas mais eficaz em vendas online. Em um boletim informativo curto e nítido, você pode direcionar suas mensagens e notícias para homens e mulheres. Os boletins informativos devem ser enviados regularmente, mas não com muita frequência.

É ideal que o conteúdo seja o mais adequado aos interesses do cliente e o endereço também seja personalizado. Importante: Você não tem permissão para simplesmente usar os endereços de e-mail de seus clientes e enviar-lhes um boletim informativo sem ser solicitado. Você precisa do consentimento do cliente no procedimento denominado double opt-in. Todo boletim informativo deve conter uma versão de impressão e um link de cancelamento. 

Dica: Inclua uma opção de compartilhamento social no e-mail. O destinatário pode compartilhar rapidamente a mensagem ou oferecer a amigos, fãs e seguidores. Isso aumenta o alcance de sua mensagem de marketing. Seu site também deve ter essas opções de compartilhamento social.

6 – Você ainda não tem um blog ?

Um blog é uma boa forma de destacar a expertise no respectivo campo – ou apresentar novos produtos e explicar seu funcionamento. Informações factuais e dicas consultivas também são geralmente bem recebidas pelos leitores. Apenas certifique-se de que seu blog não seja uma plataforma científica, mas seja fácil de entender e escrito de maneira leve.

Dica: Dependendo do setor e do tópico, pode fazer sentido incluir uma função de comentário no blog para que os leitores possam discutir um artigo ou fornecer feedback.  

7 – Redes sociais 

As redes sociais estão se tornando cada vez mais importantes para o marketing. O jovem grupo-alvo em particular, muitas vezes, só pode ser alcançado através dos canais de mídia social. Além do perfil clássico da empresa, as empresas também devem fornecer percepções sobre os negócios do dia-a-dia e deixá-los “humanos”, permitindo que os funcionários se pronunciem ou sejam apresentados. Acima de tudo, o Facebook oferece a oportunidade de estabelecer um diálogo direto com os clientes. Plataformas de negócios como LinkedIn são mais objetivas – aqui as empresas podem marcar pontos com números de negócios, notícias da empresa, novos produtos e ofertas de empregos atraentes.

Dica: Faça uma rede de suas próprias atividades online. Além da opção de compartilhamento social no site ou blog, uma postagem no Facebook, Instagram ou no Twitter pode, por sua vez, citar e vincular seu site ou blog. Mas não exagere na autopromoção. A comunidade valoriza a interação e espera respostas rápidas.

8 – Vendas online

O varejo online está crescendo continuamente. O faturamento do e-commerce no Brasil está subindo na casa de dois dígitos a cada dois anos. Vender produtos pela Internet pode, portanto, ser muito lucrativo. Acima de tudo, você pode expandir significativamente a base de clientes, atingir grupos-alvo completamente novos e usar sinergias entre o varejo físico e o varejo online.

Dica: Para aumentar o conhecimento da sua loja online, você deve antes atentar para a dica é usar as redes sociais. Claro, sua loja também deve ser fácil de usar em seu smartphone.

9 – Revistas e conteúdos exclusivos para clientes

Até agora, as revistas para clientes eram preferencialmente publicadas na versão impressa, mas as revistas digitais estão ganhando espaço. Como não há custos de impressão e distribuição de revistas online para clientes, esse instrumento de marketing também é atraente para empresas de médio porte.

Em sua própria revista do cliente, a empresa determina qual mensagem e qual conteúdo é direcionado para atingir o cliente. Você é independente dos algoritmos do Google ou do Facebook. No entanto, a revista não deve ser usada apenas para auto-apresentação. Muita publicidade (própria) é irritante. Tente entender a perspectiva dos clientes e pensar sobre suas necessidades.

Dica: certifique-se de que está claro de quem o conteúdo da sua revista se origina – caso contrário, a impressão de publicidade escondida pode surgir rapidamente.

10 – Encontre as palavras certas

Site, blog, loja online, postagens no Facebook – todos os canais tratam de abordar os clientes e despertar o interesse deles por seus produtos e serviços. É importante encontrar as palavras certas: se você acha difícil escrever, é melhor procurar um profissional. Os estagiários não devem cuidar sozinhos dos canais de mídia social. Comentários enganosos ou mesmo promessas enganadoras não são mais fáceis de obter no mundo da Internet.

Dica: Você pode melhorar a relevância do seu site no mecanismo de pesquisa por meio de uma escolha inteligente e direcionada de palavras. Postagens e tweets no Facebook e Twitter também são verificados pelo Google e outros mecanismos de busca e os tornam visíveis na web.

Conclusão

Com essas dez dicas, você poderá melhorar muito os canais de comunicação digitais da sua empresa. Nenhuma ação é mais forte no mundo do marketing do que ter uma comunidade que adora sua marca, e a comunicação perfeita é o primeiro passo para isso.

Mateus Barboza

Mateus Barboza

Administrador, designer, social media, fundador do Marketing com Café, podcaster e fotógrafo por hobby.

Comentários

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Criado por WP RGPD Pro